domingo, 30 de novembro de 2008

A vida por vezes é madrasta.. O pior é quando nos revoltamos contra ela e vivemos amargurados nesta jaula sem puder sair. É como eu me sinto, num espaço de 1 mês a minha vida levou uma reviravolta, quer a nível sentimental quer a nível profissional, e neste momento sinto me tão perdida, tão só...
Há quem diga que a vida é sábia e nos coloca nas situações em que temos maturidade para as enfrentar e quando é necessário irmos num outro caminho que não aquele em que seguiamos..
O problema é que eu não sei onde estava, onde estou nem onde estarei, e esse sentimento de incerteza é martirizante pois me retira toda a emoção de viver, de rir, apenas me faz chorar...
Tenho medo de te dizer que te odeio vida, até tenho medo, pois estás á escuta e já me vais castigar por isso..

Tenho de me resignar contigo, mas também te digo, o meu sorriso não o verás
Enviar um comentário