sexta-feira, 6 de fevereiro de 2009

Uma tarde como muitas

A tarde passava quieta, o céu azul lá longe mostrava a sua bravura ao lutar contra uma nuvens que teimavam em pintar de cinzento o céu da cidade. Na janela via entrar a luz algo preguiçosa, sem vontade, mas também sem lutar, simplesmente fazia o seu papel... Ela iluminava o meu teclado enquanto as minhas mãos frias escreviam palavras sem sentido num qualquer blog do mundo.
Procurei alguém como quem falar, mas o momento não era propício, não tinha novidades a dizer, nem histórias para contar..
Os dias são assim, pontuados por nuvens teimosas, um sol tímido, um telejornal que só fala na crise e na violência, uma telenovela que só fala de amores desfeitos... Enfim, para muitos isto é a vida, é com isto que temos de nos contentar.. Eu não creio, a vida deveria ser mais do que isto, muito mais do que isto, no entanto ela não está ao alcance de todos, mas sim de uma elite muito, mas muito exclusiva...
Enviar um comentário