segunda-feira, 26 de outubro de 2009

A todos os portos do mundo...

Hoje carreguei o meu coração para perto do mar,
coloquei -o num baú antigo de outras viagens, forrei a papel
rosa com flores e nele o coloquei...
Recortei pedacinhos de papel e neles escrevi todas as pessoas que nele já ocuparam ou ocupam.
Escrevi com a minha melhor letra cada um dos nomes, um por um...
Dobrei-os com todo o cuidado e afinco e depositei também nesse dito baú...
rezei aos anjos para trazerem bons fluidos à iminente viagem, lancei pós
e proferi palavras de despedida..
Coloquei o baú nas pequenas ondas rasas e deixei- o ir com o meu coração lá dentro...
Ao longe o sol chamava o pequeno baú numa dança ondulante e quente.
Senti o baque da sua ausência e deixei -me ficar a ver o pequeno ponto, que ao fundo no horizonte se avistava.
Respirei fundo, virei as costas, pensei em todos os portos em que o pequeno baú poderá ir morrer e pensei para mim enquanto me afastava...
Está feito!
Enviar um comentário