sexta-feira, 10 de julho de 2009

Bem aventurados...

Foto retirada de: http://semadocante.blogs.sapo.pt/10946.html

A mente quando é doentia provoca a pior das doenças: a capacidade de vermos em nós próprios o nosso pior inimigo. Não há pior do que olharmos ao espelho e ver o nosso pior demónio mesmo à nossa frente completamente entranhado nas profundezas da alma.
Nestas alturas é bom ser lunático, não saber o que viemos aqui fazer, nem para iremos, simplesmente viver num outro mundo que só para nós faz sentido e para os outros é apenas algo muito estranho que só vive na nossa cabeça...
Bem aventurados aqueles que vivem tranquilos na vida quotidiana e não se olham ao espelho.
Bem aventurados aqueles que vivem na ânsia de um amanhã melhor.
Bem aventurados aqueles que amam verdadeiramente, pois o dom de amar não está acessível a todos... claro que não...
Bem aventurados aqueles que podem sair da carcaça onde vivem e ser uma pessoa diferente todos os dias.
Bem aventurados aqueles que dizem eu sou feliz;
Bem aventurados aqueles que podem dizer em plenos pulmões: Gosto como sou!
Bem aventurados aqueles que olham para trás e dizem: eu não pude fazer melhor e vivem bem com isso...
Enfim, bem aventurados esses loucos que pisam o mesmo chão que nós como anjos que visitam as profundezas do inferno....
Enviar um comentário