domingo, 5 de julho de 2009

És meu..

o coração batia desalmado, há muito tempo que não te via e o relógio encurtava a cada momento o nosso encontro.,
Que te dizer? Que sentir?
Ainda te sinto perto, mas ao mesmo tempo tão longe.
Ajeitei a blusa, num gesto de parecer melhor, quem sabe para te agradar?
Pus o perfume que sei que gostas, ou melhor que gostavas..
Por vezes na calada da noite ainda sinto o teu corpo no meu como se estivesses realmente comigo... De facto, o coração de uma mulher é um mistério jamais revelado, os nossos amores, os desamores, as paixões..
Bem aventurados aqueles que nada sabem pois quem procura conhecer as manhas de uma mulher ficará sem norte pois mais extenso que o mar e o céu, é a loucura dos desejos que corporta a essência do coração de uma mulher....
Chegaste, o coração pulsou, sorriste.... És meu...
Enviar um comentário